Ajuda e Solução De Problema: Códigos De Erro

O mercado de ar-condicionado vem seguindo a tendência da modernização. Cada vez mais os aparelhos vêm sendo montados com uma grande quantidade de componentes eletrônicos, trazendo mais recursos e confiabilidade. Os ares-condicionados também melhoraram seu rendimento e desempenho, diminuíram de tamanho, reduziram os ruídos e também o consumo de energia e ficaram com preços mais acessíveis, já que no mercado podemos encontrar diversas marcas e tipos de condicionadores de ar para todos os bolsos.

O mercado brasileiro de ar-condicionado tem apresentado um crescimento de 8% ao ano e cada vez mais esse aparelho está deixando de ser um artigo de luxo para virar um item essencial em diversas cidades do Brasil. E não estamos falando só daquelas regiões em que os ponteiros no verão atingem os 40 graus. O controle da temperatura do aparelho torna o ambiente refrescante e agradável em qualquer lugar. Até as cidades mais frias se rendem ao ar-condicionado, visto que alguns aparelhos também vêm com a opção de aquecer. Com os avanços da tecnologia empregados nos aparelhos, cresce também a demanda por serviços especializados de instalação, manutenção e conserto de ar condicionado. Isso exige que os instaladores de ar condicionado busquem conhecimento mais avançado de eletrônica para efetuar o conserto dos ares-condicionados modernos.

Identificando Falhas Em Aparelhos De Ar Condicionado

Para facilitar a identificação de alguma falha que possa ocorrer em aparelhos de ar-condicionado, se convencionou criar códigos de erros para facilitar o reparo. Esse código do erro varia de acordo com a marca e modelo do equipamento, já que cada fabricante cria o seu. O Código De Erro Ar Condicionado é um indicativo importante e permite que os técnicos identifiquem mais rapidamente qual o problema e efetuem o reparo.

O código de erro dos modelos convencionais é verificado diretamente na unidade interna, a evaporadora. Eles aparecem no display numérico ou display LED de acordo com o modelo. Ainda de acordo com o modelo, pode aparecer o código de erro escrito ou as luzes de LED piscando. Dependendo que quantas vezes ela pisca, você detecta o erro olhando na tabela de erros.  Alguns erros são simples e podem ser resolvidos em casa, já outros erros de problemas técnicos, é necessário contatar um profissional do setor. Como cada aparelho tem seu código de erro, é importante ter uma tabela de códigos de erro para identificar o problema. É só visualizar o código no display do ar e procurar na tabela que ela indicará qual o problema.

Os Códigos De Erros Mais Comuns

Os códigos de erros foram criados para facilitar a identificação dos problemas apresentados nos ares-condicionados. O erro aparece no display do evaporador, parte interna do ar-condicionado split. Quando o ar apresentar algum código de erro, você consulta no manual que irá dizer o que está errado e facilita o conserto. Os códigos variam conforme o fabricante. Eles são padrões de cada marca e podem variar de acordo com o modelo do aparelho.

Os Códigos de Erros Ar Condicionado das principais marcas, como Comfee, Samsung, Gree, Midea, Vulcano, York, LG, Rheem, Springer, Hitachi, Fujitsu, Elgin, Electrolux, Admiral, Brize, Carrier, Daikin, Panasonic e Toshiba, podem ser encontrados na internet em formato pdf para você consultar quando precisar. Alguns códigos de erro que encontramos indicam erros como erro do sensor de temperatura ambiente interno, erro do sensor de temperatura da entrada do Evaporador, erro do ventilador interno, erro do display externo, erro do EEPROM, entre outros.

Um exemplo de erro é o Erro F3 do ar condicionado split Brastemp.  Esse é um erro comum em aparelhos com mais de 2 anos de uso, quando as peças podem começar a apresentar mau contado ou corroer por acumulo de sujeira.  Nesse caso, o erro indica um mau contato no interruptor da tampa do evaporador do aparelho de ar split. Esse interruptor identifica a abertura e o fechamento da tampa frontal da evaporadora.

Identificado onde está o erro, devemos procurar o motivo. Nesse caso pode ser a própria tampa sendo obstruída por algum objeto estranho ou o interruptor com algum defeito ou mau contato em algum lugar. No caso do aparelho da LG, por exemplo, estão identificadas mais de 150 falhas no Modelo Multi V VRF, todos com seus códigos padronizados para que os técnicos possam identificar qual o problema de forma muito mais rápida e precisa.

Outro exemplo de código de erro padronizado é da marca Electrolux, onde o código F1 significa algum problema no sensor de temperatura ambiente devido a um mau posicionamento no slot ou até o sensor em curto. O F2 também indica problema no sensor de temperatura, dessa vez no evaporador. O código de erro H6 indica problema no motor ventilador da unidade evaporadora, o E5 indica sobrecarga elétrica direta, entre outros.

Saber identificar esses códigos de erros auxilia os profissionais de instalação e manutenção do setor de ar condicionado. Facilita seu trabalho e faz com que os defeitos sejam facilmente localizados e que o conserto seja realizado de forma mais rápida, exata e precisa.